Páginas

quinta-feira, 31 de março de 2022

Zeca Camargo destoa em "1001 Perguntas"

 

Olá, internautas

Neste ano, a Rede Bandeirantes investiu e reformulou a grade noturna de sua programação. Para formar dobradinha com Fausto Silva, a emissora escalou Zeca Camargo que comanda “1001 Perguntas”. Vai ao ar após “Faustão na Band”. Dois apresentadores com a imagem atrelada ao Grupo Globo.

O formato do programa é o velho clássico de perguntas e respostas. Quadros fixos que testam o raciocínio dos competidores permeiam a atração com bom ritmo. Indagações sobre a distância do portão da sede da Band em São Paulo até um ponto qualquer, que pode ser aeroporto ou um lago, aparecem no programa.

Há ainda um momento que lembra “Qual é a Música?”. Os desafiantes devem acertar o nome da música, adivinhar o cantor e ainda cantarolar um trecho da canção. Além disso, devem acertar os nomes de celebridades que estouram na tela. Desde personagens de novelas até comediantes norte-americanos.

Três duplas disputam o prêmio de 20 mil reais. Duas delas passam para a prova final com uma sucessão de perguntas durante cinco minutos. A dupla vencedora retorna ao programa seguinte para disputar mais 20 mil reais.  

O formato é interessante. Porém, Zeca Camargo destoa no game show. O apresentador deveria investir em sua imagem. Aparece com cabelo comprido (estilo mullet que remete aos anos 80), barba por fazer e figurino não condizente a um comandante de game show em um cenário bem construído. Além disso, questiona como o candidato desconhece a resposta que seria “tão fácil”. Passa ar de arrogância.

E a dicção, estranhamente, soa embolada em alguns momentos. Isso não acontece com a jornalista Carla Bigatto que forma parceria com o apresentador. Somente a sua voz vai ao ar de forma clara e gostosa de ouvir. E ela também solta o seu veneno em comentários ácidos. Nesta semana, brincou ao afirmar que não era o Carluxo (vereador Carlos Bolsonaro) na foto do Tonho da Lua (Marcos Frota).

“1001 Perguntas” é uma opção ao telespectador que foge do “Big Brother Brasil 22”.

Fabio Maksymczuk

7 comentários:

  1. Oi Fabio, tudo bem? Gosto muito do programa e gosto do Zeca apresentando. Mas concordo com você que a maneira acelerada com que ele fala atrapalha o entendimento em alguns casos. E concordo também que ele aparece desleixado no comando do programa, isso também me incomoda. Mas o programa em si é bom, uma excelente alternativa para o horário. A Band acertou. Abraço! www.tele-visao.com

    ResponderExcluir
  2. Concordo com o seu comentário e acrescentaria que o cenário não motiva assistir. Outra coisa: A Band erra em exibir diariamento,tanto o "1001 Pergunta" como o "Faustão na Band". Ambos os programas deveriam ser semanais.

    ResponderExcluir
  3. I can't believe that this man is so real, how can I thank you enough, I can't fail to testify about the good things you have been doing for me and now you still went ahead and do same for my friend, please everyone if you have anything disturbing you please your solution is hear with Dr.osupalagba the great spiritualist who can solve any problem in a twinkle of an eye. No matter the problems, whether spiritual problem, you want to get your ex back, promotion in your workplace, spiritual cleansing, fruit of the womb, mental illnesses, protection for gun, protection for cutlass, protection for bottle, protection for snake and scorpion bites and cure. Are you a victim of any of the above listed setbacks, you can contact Dr.osupalagbavia Email: osupalagba.temple@gmail.com

    Call/WhatsApp +2347051667586

    ResponderExcluir