Páginas

sexta-feira, 17 de julho de 2020

SBT rompe monopólio da TV Globo


Olá, internautas

Um fato a ser comemorado aconteceu nesta semana. O SBT conseguiu romper o monopólio da TV Globo na transmissão do futebol. O presidente Jair Bolsonaro assinou a MP (Medida Provisória) 984, que dá o direito de arena e transmissão de jogos apenas ao time mandante de partidas.

O Flamengo entrou em conflito com o Grupo Globo diante da novidade. Na realidade, o time carioca pretenderá transmitir os jogos, através de seu próprio canal FlaTV. E todas as outras equipes tenderão a apostar nesse caminho. A transmissão esportiva, que ainda é um pilar na televisão, deverá ganhar novos contornos.

Mesmo assim, a televisão ainda possui um vasto poder de penetração no Brasil e os times não poderão dispensar essa força. Por isso mesmo, as outras emissoras, além da Globo, ganharão mais oportunidade de transmitir as partidas. Isso gerará mais empregos e maior competitividade no meio esportivo.

Com tal premissa, os jogos deverão ganhar também um melhor horário de transmissão. Com o monopólio da TV Globo, os jogos iniciam às 22 horas nas quartas-feiras, por exemplo. Ruim para os telespectadores, espectadores nos estádios, imprensa e até para os próprios jogadores. Um total absurdo que persiste há anos.

Além disso, será mais provável que diferentes canais transmitam diferentes partidas. E não o mesmo jogo ao mesmo tempo, como ocorria na dobradinha Globo-Band.  

Mesmo com um jogo que envolvia times cariocas, o SBT ampliou sua audiência em 69% na Grande São Paulo, além de ter liderado os índices no Rio de Janeiro. O telespectador sempre ganha com mais opções.

Fabio Maksymczuk

13 comentários:

  1. Os timee aproveitaram o ramco do govero com a Globo pra se libertarem do monopólio da globo..nessa parte realmente e melhor que vartoa canaia gera. mais empregos e crescem com a transmissao do futebol .maia programas enfim ...novos tempos

    ResponderExcluir
  2. Oi Fabio, tudo bem? Até concordo que o fato em si seja motivo de comemoração. Mas não é motivo de comemoração a maneira como foi feito. Foi uma manobra política, um desdobramento da queda de braço entre o governo federal e a Globo que, verdade seja dita, rompeu um acordo que estava assinado de maneira duvidosa. Além disso, não vejo o SBT se esforçando para ser esta alternativa. Os projetos esportivos da emissora sempre se mostraram voo de galinha. Honestamente, não acredito que isso vai mudar agora. Abraço! www.tele-visao.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como terá projeto esportivo diante da força do Grupo Globo? Apoio a democratização. Apoio a MP instituída pelo Governo Federal.

      Excluir
    2. A Globo realmente monopoliza o futebol na tv aberta e fechada sem o monopólio quem sabe nao surjam maia canais de futebol...e algo importante..emfim a globo vai ter que se reinventar..mas era melhor que fosse a band com maia tradicao em competições esportivas

      Excluir
  3. Boa noite. Sou vascaíno e temos que parabenizar o SBT, pela iniciativa. Mais concordo que infelizmente o SBT, não dá muita atenção em sua programação aos esportes. Aqui no Rio a programação esportiva se limita somente ao futebol, não divulgando nenhum outro. A Record pelo menos tem o Esporte Fantástico e sempre tem uma boa cobertura dos Jogos Pan-Americanos.

    ResponderExcluir
  4. Cool.. I love the Brazilaian nice football especially Flamengo fc

    ResponderExcluir